Cale-me o sexo com o gozo do amor.
like
like
like
like
like
like
vira uma purinha e cê vai entender

todos aqueles sabidos sagrados sacramentados que vão pra o céu se reúnem e se despem, de vendas pra não correr o risco do abismo profundo do inferno, e questionam o porque do prazer. ora essa. não me perguntem porque bebo pois nem mesmo a física quântica ou a filosofia moderna compreenderiam. surpreendo a todos os doutores phds sábios mestres e dou privilégio aos leigos dizendo: bebo porque sim, porque a vida não basta e já basta, porque só dói quando eu respiro tirando-me o oxigênio das árvores ou dando-me gozo ao entardecer, porque os sábados(e outros 7 dias do dicionário que não lembro o nome) me sugariam pra dentro de mim se não o fizesse e meu interior é como o extra num dia de promoção, porque os porquês são puta chatos e me vê mais uma garçom.

like
like
like
like
like
like
like
like